Tag de publicação ‘Pop’


Responsável por ser um dos pais do fusion, estilo que ajudou a inovar o jazz e fundar um novo segmento mais “elétrico” do gênero, o guitarrista Mike Stern é atração principal desta terça-feira (7) no encerramento da Mimo (Mostra Internacional de Música em Olinda) em Olinda, no Recife. O americano, que sobe ao palco na Praça do Carmo às 21h30, conversou com os jornalistas sobre sua carreira e a experiência de se apresentar em um festival que foge dos moldes tradicionais.

Elogiando a atmosfera de Olinda, o guitarrista contou que gosta muito de interagir com o público e acha importante “a troca” que há nos shows. “Eu prefiro interagir com o público, mesmo com um festival grande para ver como está o som e se as pessoas gostam da música”, disse. “É importante se conectar com as pessoas para quem você toca. Música é para sua interpretação, uma linguagem”, explicou.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)
 

Jon Pareles, principal crítico de música do jornal New York Times e um dos mais respeitados do mundo, assistiu ao show da baiana no Madison Square Garden e não ficou muito impressionado. Apesar de reconhecer algumas qualidades no som e na postura da cantora, ele acha que será bem difícil Ivete repetir o sucesso de cantoras como Shakira e Beyoncé no mercado norte-americano.

“Não vai ser fácil para a sra. Sangalo expandir seu território e se juntar a artistas como Beyoncé, Madonna e Shakira sendo uma pop star reconhecida globalmente. Há, inevitavelmente, a barreira da língua para as músicas em português. O set de Sangalo incluiu dois estranhos antigos sucessos americanos: Human Nature, de Michael Jackson, recriada como um samba-reggae baiano, e Easy, do Commodores, que ela cantou e tocou no piano. Seu dueto com Nelly Furtado, Where it Begins, foi uma fusão pop leve, mas mais promissora: uma canção de amor otimista em inglês mesclada com uma batida brasileira. Ela também atingiu a audiência de língua espanhola: seus duetos com Juanes e Diego Torres foram canções românticas bilíngues”.

Digg This
Reddit This
Stumble Now!
Buzz This
Vote on DZone
Share on Facebook
Bookmark this on Delicious
Kick It on DotNetKicks.com
Shout it
Share on LinkedIn
Bookmark this on Technorati
Post on Twitter
Google Buzz (aka. Google Reader)